Topo
Blog Menu do Dia

Blog Menu do Dia

Categorias

Histórico

Rico em ferro e cálcio, melado de cana é alternativa saudável para adoçar

Luciana Mastrorosa

11/07/2019 04h00

Crédito: iStock

O melado de cana é um produto obtido a partir do caldo da cana de açúcar cozido e evaporado. Como é menos processado que o açúcar refinado, concentra mais minerais e vitaminas, além de ter um sabor pronunciado e intenso.

Fonte de ferro, o melado é um alimento excelente para quem tem anemia ou precisa de um aporte maior desse mineral, como crianças e gestantes. Também oferece uma boa quantidade de cálcio e fósforo, fundamentais para manter a massa óssea, e outros nutrientes, como potássio, que favorece os hipertensos e os praticantes de atividades físicas, o magnésio, que atua em diversos processos biológicos importantes, e vitaminas do complexo B, como a piridoxina (B6), que ajuda no metabolismo das proteínas, e a riboflavina (B2), que também atua no metabolismo de nutrientes como proteínas, carboidratos e gorduras.

Como o Brasil é grande produtor de cana, não é difícil encontrar o melado no mercado, a bons preços. Se bem conservado, esse produto dura bastante e pode ser usado no lugar do açúcar comum para adoçar as bebidas e preparos do dia a dia, ajudando a trazer energia (é rico em carboidratos) e contribuindo com os outros nutrientes que mencionei acima.

Usos do melado na cozinha

Nas receitas, o melado pode ser usado de diversas formas, em doces e salgados. Pode entrar na composição de caldas, bolos, pudins. Deve-se lembrar sempre que ele tem uma cor bem escura, quase preta, trazendo essa coloração para os preparos. Tem uma textura viscosa que lembra a do mel, mas, por ser extraído da cana, pode ser consumido tranquilamente pelos que seguem dietas veganas.

Uma combinação muito gostosa é melado com queijo, principalmente o queijo de coalho bem tostado na chapa, grelha ou frigideira, como se consome bastante no Nordeste. Se adicionar algumas fatias de banana grelhada, terá uma sobremesa fácil, saborosa e cheia de nutrientes.

Nos sucos e vitaminas, traz um sabor intenso de cana e pode ser usado até mesmo em drinques alcoólicos, como na tradicional caipirinha. No café da manhã, também faz bom par com manteiga, tahine ou mesmo as manteigas de castanhas, coco ou amendoim, espalhados sobre uma fatia de pão tostado ou sobre raízes cozidas, como a mandioca e o inhame.

Nestes dias frios, se você curte uma bebida quente diferente, como as que mencionei neste post aqui, use o melado para adoçar e trazer uma energia extra. Gosto de usá-lo no preparo do chocolate quente e também para trazer um sabor doce para os chás e infusões, como o de hortelã com limão ou camomila e erva-doce. Só não vale exagerar, pois o melado é bem calórico: 100 gramas do produto oferecem cerca de 300 calorias.

O melado também fica muito gostoso na composição de molhos para carnes de sabor intenso, como a bovina e a suína. Para fazer um molho simples, adicione algum líquido na panela onde fritou, assou ou salteou as carnes, para soltar a crostinha saborosa que se forma no fundo da panela. Pode acrescentar um pouco de vinho, manteiga, ervas, alho e cebola e deixar cozinhar. Ao final, adicione uma porção de melado de cana e misture bem, deixando apurar até obter um molho grosso. Sirva sobre as carnes, fica ótimo com bisteca de porco grelhada ou carnes bovinas assadas e braseadas.

Também gosto de servir o melado nas panquecas do café da manhã, em vez de geleia ou mel. Com uma fatia de queijo minas, compõe uma refeição saudável e muito saborosa. Também pode ser usado como calda de sorvete. Se o melado ficar muito duro ou cristalizado, aqueça-o ligeiramente em banho-maria, sem ferver, até ficar líquido de novo.

Você gosta de melado de cana? Como costuma usá-lo nas receitas? Conte para mim! Estou no Instagram, me siga por lá também.

Sobre a Autora

Luciana Mastrorosa é apaixonada por escrever, cozinhar e comer. Jornalista especializada em gastronomia e pesquisadora da área de alimentação, passou pelos principais veículos do país. Formada no Le Cordon Bleu Paris e Université de Reims Champagne-Ardenne, atualmente cursa o Mestrado em Nutrição Humana Aplicada, na Universidade de São Paulo. É autora do livro Pingado e Pão na Chapa - Histórias e Receitas de Café da Manhã (editora Memória Visual) e do e-book "Natal Feliz - 30 Receitas Incríveis para a Sua Ceia".

Sobre o Blog

Menu do Dia é o blog de culinária, receitas, gastronomia e nutrição, da jornalista e pesquisadora Luciana Mastrorosa. Aqui, você vai encontrar notícias, reflexões, receitas, degustações e muito mais sobre uma das melhores coisas da vida: comer.