PUBLICIDADE

Topo

Histórico

Categorias

Vai ter festa? Aprenda 6 petiscos de forno saudáveis e irresistíveis

Luciana Mastrorosa

26/12/2019 04h00

Crédito: Istock

Depois da maratona de comilança da ceia de Natal, muita gente ainda está de folga e se preparando para fechar o ano com mais festa, comida boa e alegria com amigos e família. Pensando nisso, separei alguns petiscos saudáveis para fazer no forno, para aqueles momentos em que a gente quer comer alguma coisa gostosa, mas sem pegar tão pesado.

Alguns deles, inclusive, reaproveitam frutas secas, legumes ou até lascas de algum assado do Natal. E ainda dá para usar essas ideias para montar uma mesa de belisquetes no Réveillon, para começar os trabalhos com petiscos gostosos e nutritivos para toda a família. Só colocar os drinques para gelar e começar a festa. Hoje pode! Vamos lá:

Legumes assados com ervas

Este é para agradar a todos, até os vegetarianos e veganos. É muito fácil: misture numa assadeira grande uma porção de legumes picados, como cenouras, aspargos, vagens, batatas-bolinha cortadas ao meio, berinjelas em rodelas, pimentões em tiras grandes e, se quiser, cogumelos frescos inteiros. Regue a assadeira com azeite de oliva, distribua alguns dentes de alho inteiros, com casca, e finalize com ervas frescas, como alecrim e tomilho. Tempere com sal e pimenta-do-reino moída na hora, misture tudo com as mãos, e leve ao forno médio-alto por cerca de 30 minutos, até ficarem macios e dourados. Se quiser, regue-os com um pouquinho de vinho branco antes de assar. Além de delicioso, esse tipo de petisco também serve como guarnição de carnes, aves e peixes. Mas a ideia aqui é servir os legumes numa tigela, com pedaços de pão fresco. O alho ficará bem macio e dá para passar no pão! Esse petisco é fonte de fibras, provenientes dos legumes, e também de gorduras de boa qualidade, presentes no azeite, vitaminas e minerais, como os carotenoides, que protegem a visão (e são melhores absorvidos na presença de gordura). Os legumes também são ricos em potássio, ótimo para os hipertensos. Não precisa exagerar no sal; em vez disso, capriche nas ervas e no alho, que compensam em termos de sabor. As ervas contribuem com antioxidantes, que mantêm a saúde cardiovascular em dia, e o alho ajuda muito a reforçar a imunidade, o que é ótimo em tempos de festa, quando a gente costuma exagerar nos comes e bebes.

Sobrou fruta seca? Leve para o forno

No Natal, muita gente costuma comprar frutas secas, como damasco e ameixa. Sempre sobra um pouquinho, e elas podem virar ótimos petiscos. As ameixas pretas são excelentes para os que sofrem de prisão de ventre, pois têm um efeito ligeiramente laxativo. Já os damascos secos são fontes de carotenoides, que agem como antioxidantes, além de conterem fibras e ferro, bom para evitar a anemia. Para aproveitar seu excelente sabor e nutrientes, corte os damascos secos ao meio e recheie-os com uma pastinha de ricota e gorgonzola (os queijos oferecem cálcio, bom para fortalecer os ossos e dentes). Acomode os damascos numa assadeira, um ao lado do outro, e complemente com as ameixas. Para deixá-las ainda mais apetitosas, você pode enrolar as ameixas secas (sem caroço) com uma fatia fina de bacon. Se tiver acesso a um bacon artesanal, sem conservantes, melhor ainda. Mas, não precisa exagerar na quantidade de bacon, senão o resultado pode ficar salgado e muito gorduroso. A ideia é contrastar o sabor doce das ameixas com apenas um toque da carne defumada. Regue tudo com um fio de azeite de oliva, polvilhe com castanhas picadas (nozes, avelãs, amêndoas e pistache ficam ótimos aqui, além de serem excelentes fontes de proteínas e de gorduras boas). Adicione um fio de vinho branco ou vinho do Porto e leve ao forno alto por alguns minutos, apenas para secar o vinho, amolecer as frutas e dourar o bacon. Sirva quente ou frio, com palitinhos.

Torradas com coberturas variadas

Inevitável, sempre sobra um pãozinho da ceia de Natal. Como o lema aqui é desperdício zero, corte-os em fatias, regue tudo com azeite de oliva e polvilhe as fatias com pimenta-do-reino e um pouco de orégano. Depois, abuse da criatividade nas coberturas. Sobrou tender da festa? Esse corte suíno, bem temperado, fica uma delícia em lascas e, por ser rico em gorduras e proteínas, transforma o petisco numa refeição nutritiva, que só precisa de alguns legumes para ficar completa. Coloque as lascas sobre as fatias de pão e complemente com tomatinhos picados e temperados com manjericão fresco e uma pitada de sal. O tomate, rico em fibras e licopeno, ajuda o sistema digestório a funcionar melhor e ainda combate a inflamação, prevenindo doenças crônicas. Importante cuidar da saúde mesmo na época das festas, né? Outra sugestão deliciosa para cobrir as fatias de pão é refogar um mix de cogumelos frescos com manteiga (fonte natural de vitamina A, excelente para a visão e o crescimento), alho picadinho e um pouco de vinagre de maçã (se for artesanal, é rico em probióticos, que favorecem o sistema imune e a microbiota intestinal) ou de vinho branco. Quando o líquido que se formar estiver chegando ao fim, adicione algumas colheres de creme de leite fresco ou, se você for vegano, de leite vegetal de boa qualidade. Abaixe o fogo e deixe reduzir até ficar bem cremoso. Corrija o sal e a pimenta e finalize com ervas frescas picadas, como salsinha, que acrescenta um sabor fresco e ainda é rica em fibras e diurética, ajudando a desinchar. Depois de cobrir todas as fatias de pão, leve-as ao forno para aquecer e gratinar ligeiramente. Sirva as torradas quentinhas ou mornas.

Abóboras assadas com gorgonzola

Eis um petisco vegetariano que também é ótimo para começar os trabalhos de fim de ano: abóboras ao forno com queijo gorgonzola. Se puder, compre uma abóbora inteira, de preferência a cabotiá (aquela da casca verde escura, rugosa, e polpa bem alaranjada). Lave-a bem e corte-a em cubinhos (se for orgânica, pode deixar até a casca, se você gostar). Coloque tudo numa assadeira, previamente untada com óleo ou manteiga, e tempere com um pouquinho de sal, pimenta-do-reino, um fio generoso de azeite de oliva (ou, se preferir, pedacinhos de manteiga), folhas de louro e raminhos de tomilho e alecrim. Cubra com papel-alumínio e leve ao forno médio-alto por cerca de 30 minutos. Quando estiverem quase totalmente macias, retire o papel-alumínio e acrescente pedaços de queijo gorgonzola. Leve ao forno novamente, por cerca de 10 minutos, apenas para amolecer o queijo e completar o cozimento das abóboras. Sirva com pão italiano, focaccia fatiada ou grissinis. Este petisco é ótimo para esta época de verão, pois as abóboras são ricas em carotenoides, precursores da vitamina A. Além de atuarem como antioxidantes, evitando o envelhecimento precoce, os carotenoides protegem a visão e contribuem para um bronzeado mais bonito. Se os amigos forem veganos, sem problemas: basta usar apenas azeite de oliva ou óleo vegetal em vez de manteiga, retirar o gorgonzola e colocar algum tipo de queijo de castanhas no lugar. Ou substituir o queijo por nozes, avelãs ou amêndoas picadas. Se quiser adicionar uma dose extra de frescor, vitaminas, minerais, antioxidantes e fibras, polvilhe as abóboras já prontas com ervas frescas picadas, como salsinha e manjericão.

Almôndegas de frango com molhinho picante

Sabe aquele petisco para comer de palitinho? Este é feito para isso. Se você busca um aperitivo leve e rico em proteínas, aposte nestas almôndegas de frango. Use filé de frango moído, sem pele, e tempere a carne com cebola e alho picadinhos, salsinha e cebolinha picadas finamente, uma pitada de canela em pó, um ovo inteiro (use uma unidade para cada 500 gramas de peito de frango moído) e uma fatia de pão previamente deixada de molho no leite. Misture tudo muito bem e forme bolinhas. Tempere-as com sal e pimenta-do-reino. Coloque as almôndegas numa assadeira untada, regue-as com azeite de oliva ou óleo vegetal, e asse-as, cobertas com papel-alumínio, por cerca de 20 minutos. Depois que estiverem bem cozidas, retire o papel e deixe-as dourar no forno alto, virando-as de vez em quando. O peito de frango, sem a pele, é uma carne supermagra e bastante rica em proteínas. Soma-se a isso a profusão de vitaminas, minerais e compostos bioativos presentes nos temperos e você terá um petisco levinho, saboroso e que fica ótimo para acompanhar as bebidas de fim de ano. Quer mais? Prepare um molho bem fresco e picante para acompanhar: basta processar, tudo junto, 1 cebola pequena, 2 dentes de alho, 1 pimenta dedo-de-moça, 1 pimentão vermelho ou verde, um punhado de salsinha e 1 tomate grande. Só bater no processador ou liquidificador até obter uma textura grossa. Tempere a mistura com azeite de oliva, suco de limão ou vinagre, sal e pimenta-do-reino. Sirva esse molho bem gelado junto com as almôndegas de frango, fica delicioso! Lembrando que as pimentas são excelentes para a saúde, pois são ricas em capsaicina (que dá o sabor picante), carotenoides e compostos fenólicos. Pela presença desses elementos, esse tempero tem propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias, analgésicas, antitumorais e termogênicas (ou seja, ajuda a acelerar o metabolismo e queimar umas calorias a mais). Em tempo: se preferir, substitua o peito de frango por outros cortes moídos magros, como patinho bovino, lombo suíno ou ainda cordeiro.

Snack crocante de grão-de-bico

Por fim, trago aquela receita de "salgadinho" saudável, caseiro, crocante e delicioso: snacks de grão-de-bico. Esse grão, rico em proteínas e pobre em gorduras, é um dos mais versáteis que existem. Para fazer o snack, deixe os grãos de molho de um dia para o outro. Remova a água e cozinhe o grão-de-bico coberto com água nova e uma folha de louro, na pressão, por cerca de 30 minutos. É importante que eles fiquem macios, mas sem desmanchar. Depois disso, escorra a água do cozimento (ou guarde-a para usar no preparo de uma sopa) e distribua os grãos-de-bico numa forma untadas. Tempere-os generosamente com azeite de oliva, um pouco de sal e capriche nas especiarias. Vale usar páprica, pimenta de caiena em pó, um pitada de canela, curry, cúrcuma, pimenta-do-reino… Todas elas acrescentam sabor, aroma e uma boa dose de antioxidantes para preservar a saúde (a canela, por exemplo, ajuda até a regular a glicemia, e a cúrcuma tem efeito bastante anti-inflamatório). Feito isso, misture muito bem, com as mãos, os grãos e os temperos, envolvendo tudo. Leve a assadeira ao forno médio-alto e mantenha o grão-de-bico no forno até ficarem bem crocantes, mexendo sempre para não queimar. Depois de bem assados, deixe esfriar e sirva. Se preferir, use um bom mix de temperos para facilitar, veja aqui algumas sugestões.

Você gosta de preparar petiscos para o fim do ano? Quais são seus favoritos? Conte para mim! Estou no Instagram, me adicione por lá.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre a Autora

Luciana Mastrorosa é apaixonada por escrever, cozinhar e comer. Jornalista especializada em gastronomia e pesquisadora da área de alimentação, passou pelos principais veículos do país. Formada no Le Cordon Bleu Paris e Université de Reims Champagne-Ardenne, atualmente cursa o Mestrado em Nutrição Humana Aplicada, na Universidade de São Paulo. É autora do livro Pingado e Pão na Chapa - Histórias e Receitas de Café da Manhã (editora Memória Visual) e do e-book "Natal Feliz - 30 Receitas Incríveis para a Sua Ceia".

Sobre o Blog

Menu do Dia é o blog de culinária, receitas, gastronomia e nutrição, da jornalista e pesquisadora Luciana Mastrorosa. Aqui, você vai encontrar notícias, reflexões, receitas, degustações e muito mais sobre uma das melhores coisas da vida: comer.

Blog Menu do Dia